img_2712.jpg

Último dia de The Town

Mars encerra festival com chave de ouro

Ontem, domingo, 10 de Setembro, aconteceu o último dia da primeira edição do The Town, trazendo novamente Bruno Mars como Headliner.

O dia foi marcado por uma sequência de show extraordinários de artistas brasileiros e estrangeiros.

Iza chegou com tudo para apresentar pela primeira vez as canções do seu álbum “Afrodhit” e seu outros grandes sucessos como “Dona de Mim”, no palco da cantora tiveram várias participação e foi um show extremamente envolvente de assistir.

Quem também deu o nome e entregou uma apresentação extraordinária com voz e carisma foi Marina Sena, a estrela usou seu show para homenagear a grande artista brasileira Gal Costa.

Ainda no cenário nacional, Pabllo Vittar entregou uma apresentação completa com muita dança e trazendo um repertório com seus grandes sucessos que ecoaram na voz da plateia.

Lady Leste, nossa queria Glória Groove também entregou um show que agitou a multidão que assistia, trazendo seus hits e alternando estilos entre hip-hop, pop, sertanejo e até pagode.

E com uma mega produção, trazendo um dragão de 10 metros, banda, show de drones, piano, guitarra, voo e até as mãos pegando fogo, Jão encerrou o palco The One.

O cantor trouxe sucessos dos seus quatro álbuns e colocou milhares de pessoas para cantarem suas músicas a plenos pulmões, sem dúvidas um dos mais marcantes do festival.

https://twitter.com/acessojaobr/status/1701044918456561758?s=20

Nos shows internacionais, um dos mais comentados foi o de Kim Petras, que apesar das críticas sobre uma apresentação pouco produzida, fez um show inteiro com muita energia, carisma e uma voz impecável.

Quem também se apresentou no palco principal antes de Bruno Mars foi a cantora HER, que entregou uma apresentação emocionante e agitada, com muito vocal, guitarra e uma presença de palco única.

E o festival encerrou com chave de ouro com mais uma apresentação extraordinária da estrela da música, Bruno Mars.

O cantor apresentou mais uma vez seus inúmeros sucessos com um sorriso encantador e uma energia que se transmitia pela voz.

Além disso se arriscou no português novamente e com novas frases, misturando risos, choros e sorrisos em pouco mais de uma hora de show.

Conta pra gente: qual show você mais gostou?

Adicionar um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com