Quem somos?

A Free Radio é uma startup que desenvolveu um app para trazer as melhores rádios em um único lugar, e o melhor, sem gastar seu pacote de dados de internet.

Nossas Redes

@freeradioapp

 

 

@freeradioapp

 

 

@freeradioapp

 

 

@freeradioapp

 

 

@freeradioapp

 

 

@freeradioapp

 

 

Tina Turner morre aos 83 anos

Tina foi muito conhecida como a rainha do rock

Quantas perdas importantes neste mês de Maio, não é!?

Após a noticia do falecimento da rainha do rock brasileiro, Rita Lee, no inicio deste mês, é com muito pesar que informamos que outra grande rainha do rock, Tina Turner, nos deixou nesta quarta-feira (24).

Tina tinha 83 anos e mais de 50 anos de uma carreira memorável.

Tina Tuner nasceu no Tennessee, Estados Unidos, em 26 de Novembro de 1939, porém alguns anos depois renunciou sua cidadania americana, e desde então passou a ser suiça.

A artista foi referência de tudo um pouco, logo que além de uma grande estrela da música, ela também foi dançarina e atriz.

Tina iniciou sua carreira em 57, fazendo parte do duo Ike & Tina Turner, com Izear Luste, com quem se casou em 62, mas veio a assinar o divorcio no ano de 1978.

Antes do fim da dupla em 1976, Ike & Tina Turner conseguiram títulos grandiosos, como um dos mais formidáveis ​​shows ao vivo da história e sucessos como It’s Gonna Work Out Fine:

Porém a separação não apagou os sonhos de Tina que seguiu carreira solo e nos anos 80 teve o que até hoje é considerado por muitos um dos maiores retornos da história da música, com seu álbum Private Dancer.

Foi nesta mesma época onde ela garantiu seu lugar no livro de recordes, Guiness Book, com o maior show já realizado por uma artista solo, juntando apenas 182 mil pessoas para a assistirem no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

E sua vida foi assim até seus dias finais, Tina ganhou prêmios como 12 Grammys e dominou o primeiro Lugar da Billboard, literalmente uma lenda da música.

Turner sempre foi a pioneira e inspiração para muitas mulheres na música, com mais de 100 milhões de cópias vendidas e estampando a primeira capa com uma artista negra da Rolling Stone, Tina foi representatividade de espaços nunca antes conquistados.

Antes de falecer, Tina lutou contra muitas coisas, um derrame em 2013, onde teve que reaprender a andar, um câncer em 2016 e um transplante em 2017, toda essa vivência fez com que ela lançasse seu livro My Love Story, detalhando tudo o que passou.

A cantora nos deixou sendo estrela pela terceira vez, Tina foi uma das maiores estrelas da música, Tina foi a estrela mais aguardada da calçada da fama e agora leva seu brilho para os céus.

A artista faleceu em sua casa na Suiça, mas será eternamente viva na história.

Tags:
Rafa
Quem escreve...

Rafa

Oie, meu nome é Rafa com dois L, amo música e o meu trabalho. Espero que vocês gostem também! aaaa, e eu tenho um gato, hihihi

1 Comentário

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Iniciar conversa
Estamos aqui :-)
Como podemos te ajudar?