rita.tico_

Rita Lee morre aos 75 anos

O Brasil perde hoje uma de suas maiores personalidades

É com muito pesar que hoje foi informado a morte de uma das maiores artistas do Brasil, nossa eterna rainha do rock brasileiro.

Rita Lee Jones de Carvalho morreu na noite desta segunda-feira (08) em sua residência em São Paulo.

Em nota oficial, a cantora estava cercada de familiares e pessoas que a amavam, a causa da morte não foi divulgada, porém Rita já lutava com um câncer no pulmão desde 2021.

Foram anos de tratamento, melhoras e pioras, e em meio deste cenário ela chegou a lançar mais uma biografia, ‘Outra Autobiografia’ chegou ao topo dos livros mais vendidos em uma pré venda e tem o lançamento oficial marcado para o dia 22 deste mês, em comemoração do dia da santa Rita Cássia.

O mundo perde uma grande estrela e o céu ganha mais uma, mas as obras e feitos de Rita estarão eternizadas na história com seus grandes feitos, personalidade única e um talento extremo.

Sua história

Rita nasceu em no último dia de Dezembro do ano 1947, em São Paulo, onde cresceu e viveu sua vida até os dias atuais.

Os pais da artista eram descendentes de Italianos e Norte Americanos, e foi assim que seu pai acrescentou o “Lee” no nome de suas três filhas, em homenagem ao general Robert E. Lee dos Estados Unidos. 

Seu nome vem em homenagem a sua avó materna, cujo o nome era Clorinda, mas sempre era chamada por seu apelido ‘Rita’.

Entre seus inúmeros talentos, a artista era poliglota desde pequena e falava além de sua língua materna (português), Inglês, Francês, Castelhano e Italiano!

Rita tocava piano e sonhava em ser muitas coisas como atriz ou veterinária, mas nunca uma cantora de rock, apesar de gostar de ouvir Beatles, Rolling Stones e Elvis Presley.

Foi apenas na adolescência que criou interesse pela música e começou a investir nisso, ela passou por diversas bandas criada com diferentes amizades, até chegar em ‘Os Mutantes’ junto com Arnaldo Baptista e Sérgio Dias.

Ela chegou a se casar com Arnaldo, mas o casamento durou quatro anos e divorciaram, e foi juntando isso mais alguns atritos com a banda, que Rita foi expulsa de ‘Os Multantes’.

Neste meio tempo entre casamento e divorcio, ela lançou dois discos solos, assinados por ela, mas com a ajuda da banda.

‘Build Up’ em 1970 e ‘Hoje é o Primeiro Dia do Resto da Sua Vida’ em 1972.

De 72 até 75, Rita passou por formação de uma nova banda e um novo álbum, até que lançou o que seria até hoje um dos álbuns mais memoráveis do País.

Intitulado de ‘Fruto Proibido’ e gravado pela Som Livre, foi o maior sucesso e deu a ela o título de Rainha do Rock brasileiro, suas faixas que já foram até abertura de novela até os dias atuais estão na língua da população, como: ‘Agora Só Falta Você’, ‘Esse Tal de Roque Enrow’ e ‘Ovelha Negra’.

De lá pra cá foram vários álbuns, inúmeros sucessos como ‘Lança Perfume’ e ‘Erva Venenosa’, uma multidão de fãs e o Brasil cativado de vez com o talento e personalidade de Rita Lee.

Ela chegou a fazer aparições nas telinhas do cinema nos filmes ‘Os Sete Gatinho’ e ‘Garota Dourada’.

Considerada uma das figuras mais importantes e autênticas já existente, Rita é até hoje citada em músicas e usada como inspiração para cantores jovens que a veem como um exemplo.

Até que em 2014 a artista resolveu se aposentar após mais de 50 anos de carreira e com 65 anos de idade.

Mas isso não fez Rita parar, a cantora lançou sua primeira autobiografia sobre sua vida, fez parceria com Roberto de Carvalho e chegou até este ano anunciando seu segundo livro.

Rita além de seu legado inigualável e fãs apaixonados, seu marido e três filhos: Beto, Antônio e João, que nesta manhã após o anuncio do falecimento de sua mãe, publicou um texto falando sobre seu amor imenso por ela.

O velório de Rita será aberto aos público e acontece amanhã, dia 10, das 10h ás 17h, no planetário do parque Ibirapuera.

Porém a desejo da mesma, ela será cremada com a presença da família.

Adicionar um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com